Mecanismos de busca – Parte 4

A PRÁTICA DE DIÁLOGO EM PAULO FREIRE NA EDUCAÇÃO ON-LINE UMA PESQUISA BIBLIOGRÁFICA DIGITAL: APROXIMAÇÕES
Angélica Santos Ramacciotti

Este estudo busca investigar o diálogo na construção do conhecimento em programas de graduação e pós-graduação na modalidade a distância no Brasil. Para alcançar o objetivo proposto, optou-se por uma abordagem qualitativa com perspectiva dialética na realização de uma pesquisa bibliográfica digital. Mediante um processo de busca criterioso de artigos científicos publicados em periódicos online de acesso aberto entre 2005 e 2009, foram analisadas oito produções acadêmicas. A organização sistemática das informações foi elaborada com base no referencial teórico de Paulo Freire, a partir dos conceitos: “saber escutar”, “criticidade”, “tolerância”, “respeito ao conhecimento do educando”, “curiosidade epistemológica”, “construção coletiva do conhecimento” e “emancipação”. A interpretação e a análise dos resultados demonstram que a produção científica sobre as práticas dialógicas referenciadas em Paulo Freire na educação on-line vem se consolidando no cenário acadêmico nacional. Observa-se que a dimensão colaborativa, advinda da multiplicidade de intercâmbios na educação on-line, evidencia propostas pedagógicas pautadas no diálogo para a construção coletiva do conhecimento. Assim, são abertos novos caminhos em direção a currículos emancipatórios.

Texto completo: angelica santos ramacciotti


Fonte: https://sapientia.pucsp.br/handle/handle/10215


Em tempo: apesar de pessoalmente considerar a pedagogia freireana ruim, o trabalho em escopo pode ser observado metalingüísticamente, ou seja, podemos analisar como um estudioso da vertente de Paulo Freire elabora uma pesquisa sistemática sobre o tema escolhido. Essa sistematização pode ser aplicada em diversos outros campos de conhecimento.

Anúncios

Mecanismos de busca – Parte 3

A seguir, os principais mecanismos de busca públicos para referenciar e publicar trabalhos.

Biblioteca Digital de Teses e Dissertações do Ministério da Ciência e Tecnologia
http://bdtd.ibict.br/

Plataforma Lattes
http://lattes.cnpq.br/

Portal Brasileiro de Acesso Aberto à Informação Científica
http://oasisbr.ibict.br/

Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas
http://seer.ibict.br/

Solicitação do conhecimento – Parte 6

Outro caso é o de trabalhos que são publicados em conjunto em anais. A seguir, endereço de um desses exemplos.

Exemplos de trabalhos completos publicados em anais
Congresso Internacional PLB2010
http://each.uspnet.usp.br/pbl2010/trabs/index_trabs_pt.htm

 

EM TEMPO: o atalho acima cai numa página com CENTENAS de trabalhos (PTBR, ENG, ESP) ligados à PBL. Um repositório interessante para quem faz pesquisas acerca desse assunto.

Solicitação do conhecimento – Parte 5

Regras para apresentação em pôster.

Por vezes, alguns cursos exigem que os trabalhos de conclusão de curso sejam apresentados ao público. Nestes casos, muitas vezes utilizam-se pôsteres para tanto. A seguir, um exemplo de regras exigidas neste tipo de trabalho. (Dependendo de seu curso, as regras podem ser diferentes.)

http://www.sbpcnet.org.br/recife/resumo/poster.php

Solicitação do conhecimento – Parte 4

Seminário de introdução ao uso das redes sociais na comunicação científica
Material corporativo da Scielo

Solicitação do conhecimento – Parte 1

Diálogo sem fronteiras – Divulgação Científica – TV Unicamp
http://www.rtv.unicamp.br/?page_id=1049&xid=79

Sumarização – Parte 1

ORGANIZAÇÃO TÓPICA E SUMARIZAÇÃO DO TEXTO: ESTRATÉGIA PARA ENSINO DE LEITURA
Clemilton Lopes Pinheiro

O objetivo deste trabalho é apresentar a topicalidade, um princípio organizador do texto, como um pressuposto para a realização de atividades de leitura. Propõe-se que o exercício de análise da organização tópica possibilita o desenvolvimento da habilidade de sumarização das informações, já que envolve, necessariamente, o processo de abstração dessas informações em macroproposições semânticas. A atividade de sumarização/resumo do texto pelo viés da sua organização tópica se reverte, portanto, em uma estratégia de ensino de leitura, concebida como processo estratégico e interativo de construção de sentido.

Texto completo: 2987-9030-1-pb


Fonte: http://seer.bce.unb.br/index.php/horizontesla/article/view/2987

Conhecimento – Parte 4

APRESENTAÇÃO: TIPOS DE CONHECIMENTO

A apresentação a seguir resume os conceitos acerca dos tipos de conhecimento.

Texto completo: tip_conhecimen_52650


Fonte: http://www.labogef.iesa.ufg.br/labogef/arquivos/downloads/tip_conhecimen_52650.pdf