Pedagogia de projetos – Parte 1

CONCEPÇÕES DE CONHECIMENTO E CURRÍCULO EM W. KILPATRICK E IMPLICAÇÕES DO MÉTODO DE PROJETOS.
Ana Clara Bin

Esta dissertação de mestrado, circunscrita à área de Didática, teorias de ensino e práticas escolares tem, como objeto de estudo, a produção pedagógica do professor William Heard Kilpatrick (18711965), tema pouco explorado no campo das pesquisas em educação. Herdeiro de John Dewey, mas com uma reflexão singular, o autor tem uma contribuição relevante no que se refere ao reconhecimento da necessidade de raciocínio filosófico e da reflexão para sublinhar os efeitos e possibilidades políticas da educação. A análise das concepções de Kilpatrick e da sua atuação no movimento de educação progressista do início do século XX demonstrou que suas ideias também continuam a ser pertinentes e relevantes para as discussões que têm ocorrido nos últimos anos, nas quais é observado um esforço para compreender as mudanças sociais, os propósitos democráticos da escolaridade, bem como a necessidade de vincular esses fins com ações pedagógicas concretas. Assim, a opção de analisar a obra desse autor justifica-se por sua relevância histórica, pela lacuna de pesquisas que se dediquem ao tema e, à medida do que é possível, encontrar na vanguarda da pedagogia atual referências a muitas de suas ideias, além de importantes releituras e aplicações do método de projetos.O estudo visa contribuir para a contextualização da obra pedagógica de Kilpatrick à luz de suas concepções mais amplas, enfocando as ideias de currículo e aprendizagem e descrevendo o método de projetos por ele proposto; também busca investigar as aproximações e distâncias entre o método de projetos apresentado por Kilpatrick e a apropriação feita por Fernando Hernández, presente em seu método de projetos de trabalho, dentro de uma perspectiva de busca de sentido da abordagem contemporânea do método de projetos. Configurou-se como método pertinente a esta pesquisa a leitura analítica da bibliografia selecionada: obras específicas de Kilpatrick, que abarcam suas concepções educacionais, parte do referencial acadêmico acerca da obra do autor e de suas matrizes teóricas e obras sobre o método de projetos que compõem o objeto de análise. Os resultados da pesquisa apontam que, compreender o uso dos projetos na escola contemporânea requer um diálogo com a perspectiva de Kilpatrick proposta em acordo com a ideia da construção e consolidação da sociedade democrática e que sua obra é material relevante para pesquisas educacionais.

Texto completo: ANA_CLARA_BIN_rev


Fonte: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-21012013-140309/pt-br.php

Anúncios