Mecanismos de busca – Parte 4

A PRÁTICA DE DIÁLOGO EM PAULO FREIRE NA EDUCAÇÃO ON-LINE UMA PESQUISA BIBLIOGRÁFICA DIGITAL: APROXIMAÇÕES
Angélica Santos Ramacciotti

Este estudo busca investigar o diálogo na construção do conhecimento em programas de graduação e pós-graduação na modalidade a distância no Brasil. Para alcançar o objetivo proposto, optou-se por uma abordagem qualitativa com perspectiva dialética na realização de uma pesquisa bibliográfica digital. Mediante um processo de busca criterioso de artigos científicos publicados em periódicos online de acesso aberto entre 2005 e 2009, foram analisadas oito produções acadêmicas. A organização sistemática das informações foi elaborada com base no referencial teórico de Paulo Freire, a partir dos conceitos: “saber escutar”, “criticidade”, “tolerância”, “respeito ao conhecimento do educando”, “curiosidade epistemológica”, “construção coletiva do conhecimento” e “emancipação”. A interpretação e a análise dos resultados demonstram que a produção científica sobre as práticas dialógicas referenciadas em Paulo Freire na educação on-line vem se consolidando no cenário acadêmico nacional. Observa-se que a dimensão colaborativa, advinda da multiplicidade de intercâmbios na educação on-line, evidencia propostas pedagógicas pautadas no diálogo para a construção coletiva do conhecimento. Assim, são abertos novos caminhos em direção a currículos emancipatórios.

Texto completo: angelica santos ramacciotti


Fonte: https://sapientia.pucsp.br/handle/handle/10215


Em tempo: apesar de pessoalmente considerar a pedagogia freireana ruim, o trabalho em escopo pode ser observado metalingüísticamente, ou seja, podemos analisar como um estudioso da vertente de Paulo Freire elabora uma pesquisa sistemática sobre o tema escolhido. Essa sistematização pode ser aplicada em diversos outros campos de conhecimento.

Anúncios